Não à verticalização desenfreada!

São Caetano contra a privatização do DAE

Tribunal de Contas do Estado de São Paulo

Bairro Jardim São Caetano é utilizado para fins comerciais e moradores vivem verdadeiro caos

O bairro Jardim São Caetano, foi institucionalizado a partir de loteamento organizado pela
empresa Companhia City, sendo devidamente registrado e cumprindo todos os tramites e
regramentos exigidos para tal finalidade.
Quando houve a aprovação do loteamento, uma série de normas e limitações foi previamente
aprovada pela Prefeitura Municipal de São Caetano do Sul, dentre elas, proíbe que se
estabeleça no bairro a construções para fins comerciais ou de prestação serviços, permitindo
apenas a construção de residência unifamiliar, vedando inclusive o desmembramento de lotes.
Dentro da lei há uma autorização para a construção de prédios comerciais nos lotes que se
localizam de frente para a Avenida Guido Aliberti, os quais poderão só e tão somente ter
movimentação e acesso por aquela via.
Porém, temos inúmeras empresas que desrespeitam tal mandamento e, a municipalidade
nada faz, se mantendo inerte e passiva quanto à situação.
Diante de tais fatos, a ASEAM juntamente com a AMJSC (Associação Ambientalista Jardim São
Caetano) propôs uma série de questionamentos para ao ilustre Prefeito José Auricchio Junior,
a fim de sanar estes problemas que os moradores do bairro estão enfrentando.
A municipalidade se mantém inerte quanto ao requerimento, sendo assim, certamente a
ASEAM e a AMJSC buscarão amparo junto ao Poder Judiciário.

8 de abril de 2011 18:07 - Postado por ASEAM

Uma resposta para “Bairro Jardim São Caetano é utilizado para fins comerciais e moradores vivem verdadeiro caos”

  1. Leo Mansinho disse:

    Gostaria de saber.Quantas vezes o prefeito Jose Aurichio foi processado?Quantas vezes foi condenação? Quantas vezes foi absolvição?


Deixe uma resposta

Canal Youtube


Confira nosso canal no Youtube